Órgão Especial aprova extinção de cargos no TJRS - Notícias - Diligência - Credibilidade em informação jurídica

Notícias

Órgão Especial aprova extinção de cargos no TJRS

Jurídicas 12/06/2019
Órgão Especial aprova extinção de cargos no TJRS

Órgão Especial aprova extinção de cargos no TJRS

(Imagem meramente ilustrativa/Arquivo TJRS)

Em sessão administrativa realizada nesta segunda-feira (10/6), os Desembargadores do Órgão Especial do TJRS aprovaram, por unanimidade, a proposta de extinção de três cargos vagos de enfermeiro e um cargo vago de técnico em enfermagem do quadro de cargos de provimento efetivo dos serviços auxiliares do TJRS.

A relatora do processo, Desembargadora Marilene Bonzanini, afirmou que "a proposição se justifica, de um lado, pela insuficiência do quadro próprio, a demandar contratação de maior número de profissionais e, de outro, pela economia constatada na manutenção da contratação de mão de obra terceirizada para a prestação dos serviços de Enfermagem junto aos ambulatórios do Departamento Médico Judiciário (DMJ), o que vem ao encontro da diretriz administrativa de racionalização do quadro existente".

No voto, a magistrada destacou que a partir de 2014, devido à insuficiência do quadro próprio e visando atender a demanda, o Tribunal de Justiça do Estado passou a firmar contratos licitados de prestação de serviços de enfermagem nos ambulatórios do DMJ. Foi constatada economia de recursos com a terceirização.

"A proposta de extinção dos cargos reduzirá as despesas com pessoal e tem por objetivo dar cobertura integral ao serviço de enfermagem nos três postos de atendimento (ambulatórios) do Departamento Médico Judiciário, além de dar continuidade ao processo de modernização e otimização de sua estrutura funcional."

A proposta agora segue para aprovação na Assembleia Legislativa do RS.

EXPEDIENTETexto: Rafaela SouzaAssessora-Coordenadora de Imprensa: Adriana Arendimprensa@tj.rs.gov.br 

Publicação em 12/06/2019 09:00Esta notícia foi acessada 749 vezes.

Fonte: Tribunal de Justiça do Estado do do Rio Grande do Sul

© Diligência.com.br
competente, confirma , sentença, indenizar, indenização, turma, mandado de segurança, recorreu da sentença, Conselho Regional, Colegiado, desocupação , Defensoria Pública da União, DPU, Ministério Público Federal , MPF, Advocacia-Geral da União , AGU, Caixa Econômica Federal , CEF, Departamento Nacional de Infraestrutura , DNIT, Departamento de Estradas e Rodagem , DER, DNER, PFE, Data do julgamento, Publicação no diário oficial , Servidores públicos , aquisição de estabilidade, condenação, condena, condenado, recorrente , recorrido, constituição federal, aposentadoria por invalidez, AIDS, portador, cardiopatia, imposto de renda, IR, Fazenda Nacional , apelante, princípios da razoabilidade e da proporcionalidade, união , agravo de instrumento, adicional de férias, polo passivo, interesse processual , processamento e julgamento, pensões e aposentadorias, pensão, aposentadoria, competência, demandante, descumprimento da obrigação, sentença penal , unânime, provimento, aposentadoria especial, tempo de serviço, tempo de contribuição, julgou procedente, autarquia , Instituto Nacional do Seguro Social , INSS, CTPS, impetrante, ajuizamento da ação, serviço especial , ANP