Lesão corporal leve e roubo de bandeira geram ocorrênciasem jogo da Libertadores no Beira-Rio - Notícias - Diligência - Credibilidade em informação jurídica

Notícias

Lesão corporal leve e roubo de bandeira geram ocorrênciasem jogo da Libertadores no Beira-Rio

Jurídicas 01/08/2019
Lesão corporal leve e roubo de bandeira geram ocorrênciasem jogo da Libertadores no Beira-Rio

Lesão corporal leve e roubo de bandeira geram ocorrênciasem jogo da Libertadores no Beira-Rio

O Juizado do Torcedor e Grandes Eventos (JTGE) atendeu quatro ocorrências na noite desta quarta-feira (31/07) durante a partida entre Internacional e Nacional, válida pelas oitavas de final da Copa Libertadores da América. O plantão do Judiciário no estádio Beira-Rio foi comandado pelo Juiz de Direito Marco Aurélio Martins Xavier.

Um torcedor colorado tentou entrar no estádio portando um objeto proibido. Quando barrado, tentou entrar à força, atingindo com socos na cabeça e no rosto o segurança que fazia a revista. Encaminhado ao JTGE, aceitou a proposta de transação penal e deve ficar afastado dos estádios durante oito jogos do Internacional, tendo que apresentar-se na Brigada Militar de Sapucaia do Sul nas oportunidades.

Duas audiências resultaram do mesmo ocorrido: torcedores do Internacional roubaram uma bandeira da torcida adversária e tentaram fugir com ela ao serem flagrados. Um deles foi beneficiado com transação penal e está proibido de frequentar estádios durante os próximos 15 jogos do Internacional, ou por três meses, independente do mando de campo, comparecendo na 3ª DPPA de Porto Alegre no dia das partidas. O outro já havia sido beneficiado pela proposta em outra oportunidade e em razão disso o Ministério Público ofereceu suspensão do processo pelo prazo de dois anos, mediante cumprimento de condições estabelecidas.

Um torcedor do Nacional também foi encaminhado ao JTGE ao ser flagrado quebrando uma cadeira e arremessando-a na torcida colorada. Ele recebeu proposta de transação civil e terá que pagar ao Internacional o valor de R$ 520,00. Além disso, na proposta de transação penal, o acusado fica proibido de frequentar estádios durante os próximos 15 jogos do Nacional ou durante três meses, tendo que se apresentar na Brigada Militar de Santana do Livramento em dia de jogos.

EXPEDIENTETexto: Ritieli MouraAssessora-Coordenadora de Imprensa: Adriana Arendimprensa@tj.rs.gov.br 

Publicação em 01/08/2019 18:23Esta notícia foi acessada 27 vezes.

Fonte: Tribunal de Justiça do Estado do do Rio Grande do Sul

© Diligência.com.br
competente, confirma , sentença, indenizar, indenização, turma, mandado de segurança, recorreu da sentença, Conselho Regional, Colegiado, desocupação , Defensoria Pública da União, DPU, Ministério Público Federal , MPF, Advocacia-Geral da União , AGU, Caixa Econômica Federal , CEF, Departamento Nacional de Infraestrutura , DNIT, Departamento de Estradas e Rodagem , DER, DNER, PFE, Data do julgamento, Publicação no diário oficial , Servidores públicos , aquisição de estabilidade, condenação, condena, condenado, recorrente , recorrido, constituição federal, aposentadoria por invalidez, AIDS, portador, cardiopatia, imposto de renda, IR, Fazenda Nacional , apelante, princípios da razoabilidade e da proporcionalidade, união , agravo de instrumento, adicional de férias, polo passivo, interesse processual , processamento e julgamento, pensões e aposentadorias, pensão, aposentadoria, competência, demandante, descumprimento da obrigação, sentença penal , unânime, provimento, aposentadoria especial, tempo de serviço, tempo de contribuição, julgou procedente, autarquia , Instituto Nacional do Seguro Social , INSS, CTPS, impetrante, ajuizamento da ação, serviço especial , ANP