TJRS empossa quatro Desembargadores - Notícias - Diligência - Credibilidade em informação jurídica

Notícias

TJRS empossa quatro Desembargadores

Jurídicas 13/08/2019
TJRS empossa quatro Desembargadores

TJRS empossa quatro Desembargadores

O Poder Judiciário gaúcho conta com quatro novos Desembargadores. Os magistrados Eliziana da Silveira Perez, Gláucia Dipp Dreher, Joni Victoria Simões e Maria de Lourdes Galvão Braccini de Gonzalez foram empossados no cargo pelo Presidente do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul, Desembargador Carlos Eduardo Zietlow Duro, no início da tarde desta segunda-feira (12/8). A solenidade foi prestigiada por membros do Judiciário, autoridades, servidores, amigos e familiares. Em seguida, teve início a sessão do Órgão Especial do TJRS.

Abrindo a solenidade o Presidente do Tribunal de Justiça, Desembargador Carlos Eduardo Zietlow Duro, desejou sorte e sucesso aos magistrados que chegam ao 2º Grau de jurisdição.

Desembargadoras Maria de Lourdes, Eliziana e Gláuciae Desembargador Joni são magistrados de carreira(Fotos: Eduardo Nichele) 

Os Desembargadores Aristides Pedroso de Albuquerque Neto e Leoberto Narciso Brancher, respectivamente, o decano e o mais novo membro do TJRS, conduziram os colegas.

A Desembargadora Vivian Cristina Angonese Splengler deu as boas-vindas aos empossandos: Os tempos são difíceis, é verdade. Mas isso não é causa para esmorecer, pelo contrário. Nós, Juízes e Juízas, que amamos o que fazemos, buscamos as virtudes e a excelência para continuar na nossa missão, honrando a toga e sempre mirando no sonho de fazer a verdadeira justiça, afirmou. Desejo a vocês que este novo recomeço, após anos de caminhada e numa carreira árdua e digna, reavive no coração aquele momento lá do início quando, imbuídos de imensa alegria e entusiasmo, levando na bagagem sonhos de justiça, partiram para as suas primeiras Comarcas. 

Vocação e amor

Precisamos conhecer todas as teorias, dominar todas as técnicas, tocar todas as almas humanas, sendo apenas outra alma humana. Parafraseando o psiquiatra e psicoterapeuta Carl Jung, a magistrada Gláucia Dipp Dreher falou em nome dos quatro novos Desembargadores. Com um discurso voltado para a lado humano e social da carreira, a nova integrante do TJRS destacou as agruras e dilemas da jurisdição, e o cumprimento dessa missão com vocação e amor.

Presidente do TJ (C) desejou sucesso e felicidades aos novos colegas.Posse foi prestigiada por autoridades de Poderes e instituições

Rui Barbosa disse: 'Não há nada mais relevante para a vida social, do que o senso de Justiça'. Não devemos, pois, perder o nosso senso de justiça. Devemos ser autoridade, mas não autoritários. Devemos ser imparciais, mas não insensíveis. Devemos ser isentos, mas não indiferentes. Devemos ser discretos, mas não impassíveis, afirmou a magistrada.

Destarte, acima da habilidade técnica e da competência profissional, precisamos ter senso de justiça e ser um bom ser humano, onde impere o amor e não prepondere o desejo de poder, pois o inverso, preponderando o poder, este gera vaidade, soberba e falta de amor naquilo de se faz. Antes de sermos poder, precisamos ser amor, porque quem se propõe a lidar com gente, antes precisa se comportar como gente, simples assim!, acrescentou a Desembargadora Gláucia.

Desembargadora Vivian Cristina Angonese Splenglerdeu as boas-vindas aos empossandos

Creiam que eu e meus colegas que hoje aqui aportamos, assumimos o compromisso com a justiça, e mesmo que estejamos num momento em que as instituições e os valores éticos desse país estão fragilizados, confiem que apesar das nossas falhas, o que nos incumbe acima de tudo e todos, é manter hígidos os nossos compromissos com a Constituição e a Democracia deste país, através de juízes independentes e isentos, crendo que 'a força do direito sempre superará o direito da força' (Rui Barbosa).

Magistradas no 2° grau

Desembargadora Gláucia falou em nome do grupo.Destacou as agruras e dilemas da jurisdição,e o cumprimento dessa missão com vocação e amor

Com a posse de três Desembargadoras, o Judiciário gaúcho passa a contar com 42 magistradas no 2° grau de jurisdição, o que foi lembrado durante a solenidade. Temos que nos orgulhar disso, e já estamos à frente em quase todas as carreiras, sem nos descuidarmos de nossas famílias ao cumprirmos nosso dever profissional. Nessa esteira já disse Simone de Beauvoir: 'Vivi num mundo dos homens, guardando em mim, o melhor da minha feminilidade'. Creio pois, que o sucesso nada tem a ver com sorte ou gênero, mas com determinação e trabalho!, frisou a Desembargadora Gláucia.

Solenidade foi realizada no Plenário Ministro Pedro Soares Muñoz,com a presença de diversos magistrados, familiares e convidados

Presenças

Prestigiaram a solenidade o Procurador-Geral do Estado, Eduardo Cunha da Costa; Procurador-Geral de Justiça, Fabiano Dallazen; a Presidente do Tribunal Regional do Trabalho da 4ª região, Desembargadora Federal Vânia Maria Cunha Mattos; o representante do Tribunal de Contas do Estado, Conselheiro substituto Alexandre Mariotti; a Presidente do Tribunal Regional Eleitoral, Desembargadora Marilene Bonzanini; o Presidente do Tribunal de Justiça Militar do Estado, Coronel Paulo Roberto Mendes Rodrigues; os ex-presidentes do TJRS: Desembargadores Arminio José Abreu Lima da Rosa, Leo Lima (aposentado), Marcelo Bandeira Pereira,  José Aquino Flôres de Camargo (aposentado) e Luiz Felipe Silveira Difini; o Juiz Diretor do Foro de Porto Alegre, Amadeo Henrique Ramella Buttelli; o Vice-Presidente da Associação dos Magistrados do Brasil, Jerson Moacir Gubert; a Presidente da Associação dos Juízes do RS, Desembargadora Vera Lúcia Deboni; o Diretor da Escola Superior da Magistratura, Desembargador Jayme Weingartner Neto; o Cônsul honorário do Líbano, Ricardo Malcon; o Presidente do Colégio Registral, João Pedro Lamana Paiva; o Conselheiro do Instituto Gaúcho de Direito Eleitoral, Daniel Borges de Abreu; o representante da Ordem dos Advogados do Brasil seccional do RS, Gerson Fischmann e Larissa Pilar Prado, representante da Defensoria Pública.

Após a cerimônia, o Órgão Especial realizou sessão jurisdicional e administrativa, quando definiu a classificação dos novos Desembargadores:

Aprovada classificação dos novos Desembargadores do TJRS

EXPEDIENTETexto: Janine SouzaAssessora-Coordenadora de Imprensa: Adriana Arendimprensa@tj.rs.gov.br 

Publicação em 12/08/2019 17:32Esta notícia foi acessada 398 vezes.

Fonte: Tribunal de Justiça do Estado do do Rio Grande do Sul

© Diligência.com.br
competente, confirma , sentença, indenizar, indenização, turma, mandado de segurança, recorreu da sentença, Conselho Regional, Colegiado, desocupação , Defensoria Pública da União, DPU, Ministério Público Federal , MPF, Advocacia-Geral da União , AGU, Caixa Econômica Federal , CEF, Departamento Nacional de Infraestrutura , DNIT, Departamento de Estradas e Rodagem , DER, DNER, PFE, Data do julgamento, Publicação no diário oficial , Servidores públicos , aquisição de estabilidade, condenação, condena, condenado, recorrente , recorrido, constituição federal, aposentadoria por invalidez, AIDS, portador, cardiopatia, imposto de renda, IR, Fazenda Nacional , apelante, princípios da razoabilidade e da proporcionalidade, união , agravo de instrumento, adicional de férias, polo passivo, interesse processual , processamento e julgamento, pensões e aposentadorias, pensão, aposentadoria, competência, demandante, descumprimento da obrigação, sentença penal , unânime, provimento, aposentadoria especial, tempo de serviço, tempo de contribuição, julgou procedente, autarquia , Instituto Nacional do Seguro Social , INSS, CTPS, impetrante, ajuizamento da ação, serviço especial , ANP