Presidente do TJRS recebe Juiz que deve assumir como Conselheiro do CNJ - Notícias - Diligência - Credibilidade em informação jurídica

Notícias

Presidente do TJRS recebe Juiz que deve assumir como Conselheiro do CNJ

Jurídicas 15/10/2019
Presidente do TJRS recebe Juiz que deve assumir como Conselheiro do CNJ

Presidente do TJRS recebe Juiz que deve assumir como Conselheiro do CNJ

Juiz Mário Augusto Figueiredo Guerreiro (c) deverá ser empossado em 5/11(Foto: Eduardo Nichele)

O Presidente do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul, Desembargador Carlos Eduardo Zietlow Duro, recebeu visita de cortesia do Juiz de Direito Mário Augusto Figueiredo Guerreiro, que deve assumir uma vaga como Conselheiro do Conselho Nacional de Justiça. O Magistrado estava acompanhado do seu colega Antônio Carlos de Castro Neves Tavares, Juiz na Comarca de Camaquã.

Guerreiro já foi aprovado, por unanimidade, na Comissão de Constituição e Justiça do Senado. Esta semana seu nome deve ser apreciado pelo Plenário Casa. Posteriormente, pelo rito, o candidato é nomeado pelo Presidente da República. A posse no CNJ deve ocorrer no dia 5 de novembro.

Na condição de futuro Conselheiro, Guerreiro colocou-se à disposição do TJRS no CNJ. O Presidente Carlos Duro, que pretende ir à posse do primeiro Juiz do TJRS a ter assento no CNJ, parabenizou Guerreiro pela ascensão e desejou-lhe sucesso na nova atividade.

No Estado, o Juiz atuou em Planalto, Uruguaiana e Sapucaia do Sul. Em Brasília, no Supremo Tribunal federal (STF), Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e no próprio CNJ, como auxiliar.

EXPEDIENTETexto: Carlos Alberto Machado de SouzaAssessora-Coordenadora de Imprensa: Adriana Arendimprensa@tj.rs.gov.br 

Publicação em 14/10/2019 22:21Esta notícia foi acessada 65 vezes.

Fonte: Tribunal de Justiça do Estado do do Rio Grande do Sul

© Diligência.com.br
competente, confirma , sentença, indenizar, indenização, turma, mandado de segurança, recorreu da sentença, Conselho Regional, Colegiado, desocupação , Defensoria Pública da União, DPU, Ministério Público Federal , MPF, Advocacia-Geral da União , AGU, Caixa Econômica Federal , CEF, Departamento Nacional de Infraestrutura , DNIT, Departamento de Estradas e Rodagem , DER, DNER, PFE, Data do julgamento, Publicação no diário oficial , Servidores públicos , aquisição de estabilidade, condenação, condena, condenado, recorrente , recorrido, constituição federal, aposentadoria por invalidez, AIDS, portador, cardiopatia, imposto de renda, IR, Fazenda Nacional , apelante, princípios da razoabilidade e da proporcionalidade, união , agravo de instrumento, adicional de férias, polo passivo, interesse processual , processamento e julgamento, pensões e aposentadorias, pensão, aposentadoria, competência, demandante, descumprimento da obrigação, sentença penal , unânime, provimento, aposentadoria especial, tempo de serviço, tempo de contribuição, julgou procedente, autarquia , Instituto Nacional do Seguro Social , INSS, CTPS, impetrante, ajuizamento da ação, serviço especial , ANP