Presidente do TJTO assina ordem de serviço para construção do Fórum de Paraíso, combinando economia, consciência ambiental e acessibilidade - Notícias - Diligência - Credibilidade em informação jurídica

Notícias

Presidente do TJTO assina ordem de serviço para construção do Fórum de Paraíso, combinando economia, consciência ambiental e acessibilidade

Jurídicas 19/12/2019
Presidente do TJTO assina ordem de serviço para construção do Fórum de Paraíso, combinando economia, consciência ambiental e acessibilidade
Auto-suficiência em energia elétrica (usina geradora com placas solares), reaproveitamento de água da chuva e adequação às normas de acessibilidade. Combinação que rima com redução de custos, consciência ambiental e preocupação com o cidadão.
Essas são algumas das características da nova sede do Fórum de Paraíso do Tocantins cuja ordem de serviço para o início das obras foi assinada pelo presidente do Tribunal de Justiça do Tocantins (TJTO), Helvécio de Brito Maia Neto, nesta quinta-feira (18/12), ao lado do diretor de Obras do TJTO, Rogério José Canalli, e o diretor de Gestão de Pessoas, Antônio Rezende, na ocasião representando o diretor-geral do TJTO, Jonas Demóstene Ramos. 
“O projeto da obra vai ao encontro das ações da nossa gestão, focada no conforto, na segurança e na acessibilidade ao magistrado, ao servidor, aos membros do sistema de Justiça e, principalmente, ao cidadão”, ressaltou o desembargador Maia Neto, lembrando do período em que atuou como titular daquela comarca. 
“É um marco não só para a comarca, mas um sonho de todo nós magistrados e servidores, operadores de direito, advogados, defensores públicos e, especialmente, o jurisdicionado”, comemorou o juiz Esmar Custódio Vêncio Filho, atual diretor do Foro da Comarca de Paraíso, presente na reunião em que foi assinada a ordem de serviço junto, assim como a chefe de gabinete da Presidência, Glacielle Borges Torquato.
“É uma comarca grande por estar perto da rodovia, com distritos judiciários de alta movimentação, então a melhora no espaço físico vai ser substancial, que vai alavancar a produção e a qualidade de trabalho do servidor, o acesso ao próprio serviço que o Poder Judiciário oferece”, arrematou o juiz. A Comarca abrange ainda os municípios de Abreulândia, Divinópolis do Tocantins, Mirianópolis do Tocantins, Monte Santo do Tocantins e Pugmil. 
Segundo o diretor de Obras, Rogério Canalli, a previsão de conclusão é de 360 dias e que, se tudo correr como o esperado, o novo Fórum de Paraíso do Tocantins será entregue em dezembro de 2020.
Texto: Marcelo Santos Cardoso / Fotos: Rondinelli Ribeiro
Comunicação TJTO



Fonte: Tribunal de Justiça do Estado do Tocantins

© Diligência.com.br
competente, confirma , sentença, indenizar, indenização, turma, mandado de segurança, recorreu da sentença, Conselho Regional, Colegiado, desocupação , Defensoria Pública da União, DPU, Ministério Público Federal , MPF, Advocacia-Geral da União , AGU, Caixa Econômica Federal , CEF, Departamento Nacional de Infraestrutura , DNIT, Departamento de Estradas e Rodagem , DER, DNER, PFE, Data do julgamento, Publicação no diário oficial , Servidores públicos , aquisição de estabilidade, condenação, condena, condenado, recorrente , recorrido, constituição federal, aposentadoria por invalidez, AIDS, portador, cardiopatia, imposto de renda, IR, Fazenda Nacional , apelante, princípios da razoabilidade e da proporcionalidade, união , agravo de instrumento, adicional de férias, polo passivo, interesse processual , processamento e julgamento, pensões e aposentadorias, pensão, aposentadoria, competência, demandante, descumprimento da obrigação, sentença penal , unânime, provimento, aposentadoria especial, tempo de serviço, tempo de contribuição, julgou procedente, autarquia , Instituto Nacional do Seguro Social , INSS, CTPS, impetrante, ajuizamento da ação, serviço especial , ANP