Judiciário Tocantinense realiza leilão de 23 veículos nesta quarta-feira (18/11) - Notícias - Diligência - Credibilidade em informação jurídica

Notícias

Judiciário Tocantinense realiza leilão de 23 veículos nesta quarta-feira (18/11)

Jurídicas 18/11/2020
Judiciário Tocantinense realiza leilão de 23 veículos nesta quarta-feira (18/11)
Tribunal de Justiça do Tocantins (TJTO) realizará, nesta quarta-feira (18/11), o leilão de 23 veículos de sua propriedade. Os interessados em participar poderão ofertar lances que variam entre R$ 12.450,00 e R$ 40.680,00. Com início previsto para as 10 horas, o leilão presencial acontece no Auditório da 308 Sul, AL 01, lotes 37/39 – e de forma virtual, por meio do site www.leiloesbrasilto.com.br.
Poderão participar do leilão pessoas físicas e jurídicas, maiores de idade, possuidoras dos documentos pessoais e jurídicos. Em relação ao leilão online, os interessados deverão realizar o credenciamento eletrônico no site. Já para o presencial, o credenciamento será realizado diretamente com o leiloeiro, na data e local definido para a sessão.
De acordo com o edital, todos os veículos pertencem ao Poder Judiciário tocantinense e serão leiloados no estado de conservação e funcionamento em que se encontram, podendo os licitantes realizar vistorias com antecedência de ate 8 dias úteis, no Anexo II do TJTO.
Ainda segundo o edital, o leilão será julgado pelo critério de maior lance, e o pagamento dos itens arrematados será recolhido para a conta do Fundo de Modernização e Aprimoramento do Poder Judiciário (Funjuris).
Para quaisquer outras informações, os interessados deverão se dirigir ao leiloeiro Antonio Carlos Volpi Santana, pelo telefone (63) 9-9242-2002, ou via e-mail, no endereço: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo..
Alerta sobre leilões falsos
Alertamos para a utilização indevida da imagem e nome do Tribunal de Justiça do Tocantins em falsos leilões virtuais de automóveis com sites falsos ou clonados, ou seja, parecido com sites verdadeiros, que buscam induzir as vítimas em erro, as quais acabam depositando os valores da suposta arrematação em contas de pessoas físicas, com agências bancárias localizadas em outros estados.
Recomenda-se que antes da arrematação, o interessado sempre visite os bens leiloados em pátios oficiais antes. Em caso de dúvidas, entre em contato com órgãos oficiais.
É preciso esclarecer que bens próprios do Poder Judiciário ou objetos de apreensão judicial podem ser objetos de alienação judicial, porém o evento é precedido, entre outros requisitos, da publicação de edital em diário oficial e sempre por leiloeiros regularmente credenciados em Tocantins, que utilizam endereços eletrônicos oficiais, cuja relação pode ser conferida no site da Junta Comercial https://jucetins.to.gov.br/leiloeiros/.
Confira a íntegra do edital no link abaixo:
https://wwa.tjto.jus.br/diario/diariopublicado/3853.pdf
Texto: Rosimeire Alves Sousa / Foto: Rondinelli Ribeiro
Comunicação TJTO

Fonte: Tribunal de Justiça do Estado do Tocantins

© Diligência.com.br
competente, confirma , sentença, indenizar, indenização, turma, mandado de segurança, recorreu da sentença, Conselho Regional, Colegiado, desocupação , Defensoria Pública da União, DPU, Ministério Público Federal , MPF, Advocacia-Geral da União , AGU, Caixa Econômica Federal , CEF, Departamento Nacional de Infraestrutura , DNIT, Departamento de Estradas e Rodagem , DER, DNER, PFE, Data do julgamento, Publicação no diário oficial , Servidores públicos , aquisição de estabilidade, condenação, condena, condenado, recorrente , recorrido, constituição federal, aposentadoria por invalidez, AIDS, portador, cardiopatia, imposto de renda, IR, Fazenda Nacional , apelante, princípios da razoabilidade e da proporcionalidade, união , agravo de instrumento, adicional de férias, polo passivo, interesse processual , processamento e julgamento, pensões e aposentadorias, pensão, aposentadoria, competência, demandante, descumprimento da obrigação, sentença penal , unânime, provimento, aposentadoria especial, tempo de serviço, tempo de contribuição, julgou procedente, autarquia , Instituto Nacional do Seguro Social , INSS, CTPS, impetrante, ajuizamento da ação, serviço especial , ANP