Setor automotivo mantém produção industrial em queda, diz IBGE - Notícias - Diligência - Credibilidade em informação jurídica

Notícias

Setor automotivo mantém produção industrial em queda, diz IBGE

Negócios 03/07/2012
Setor automotivo mantém produção industrial em queda, diz IBGE

 

Depois de registrar queda de 29% na produção em janeiro de 2012, e mostrar tentativa de recuperação nos três meses consecutivos de crescimento positivo, com expansão de 22,7%, a indústria de veículos automotores voltou a apresentar queda em maio (-4,5%) em relação a abril.
 
Foi o principal impacto negativo nos resultados da produção industrial do país em maio, que recuou 0,9% em relação a abril, segundo informou o o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em pesquisa divulgada nesta terça-feira (3).
 
De acordo com André Luiz Macedo, gerente da Coordenação de Indústria do IBGE, no início do ano, a indústria de veículos automotores enfrentou redução de jornada e hora extra e paralisações pontuais. O setor tentou se recuperar nos meses seguintes, mas os pátios ficaram cheios, o que voltou a paralisar a indústria em maio.
 
“Na categoria de bens de capital e bens de consumo duráveis, onde se encaixam os automóveis, a inadimplência é maior. A evolução desses segmentos está atrelada ao crédito e à renda das famílias. Também o cenário de crise internacional traz perspectivas negativas ao empresariado”, explicou.
 
Houve queda na produção de 75% dos produtos pesquisados no segmento de veículos automotores, segundo o pesquisador do IBGE. Caminhão-trator para reboques e semirreboques, caminhões, automóveis, chassis com motor para caminhões e ônibus, motores a diesel e autopeças foram os destaques negativos na produção do setor, explicou.
 
Segundo disse, informações da Federação Nacional de Distibuição de Veículos Automotores (Fenabrave) dão conta que as vendas aceleraram em junho o que pode ajudar a diminuir o elevado nível de estoque do setor.
 
“A queda na indústria de veículos automotores afeta toda uma cadeia produtiva, que envolve a indústria plástica, a metalúrgica e a de produtos químicos”, explicou.
 
Fonte: G1

Fonte: G1

© Diligência.com.br
competente, confirma , sentença, indenizar, indenização, turma, mandado de segurança, recorreu da sentença, Conselho Regional, Colegiado, desocupação , Defensoria Pública da União, DPU, Ministério Público Federal , MPF, Advocacia-Geral da União , AGU, Caixa Econômica Federal , CEF, Departamento Nacional de Infraestrutura , DNIT, Departamento de Estradas e Rodagem , DER, DNER, PFE, Data do julgamento, Publicação no diário oficial , Servidores públicos , aquisição de estabilidade, condenação, condena, condenado, recorrente , recorrido, constituição federal, aposentadoria por invalidez, AIDS, portador, cardiopatia, imposto de renda, IR, Fazenda Nacional , apelante, princípios da razoabilidade e da proporcionalidade, união , agravo de instrumento, adicional de férias, polo passivo, interesse processual , processamento e julgamento, pensões e aposentadorias, pensão, aposentadoria, competência, demandante, descumprimento da obrigação, sentença penal , unânime, provimento, aposentadoria especial, tempo de serviço, tempo de contribuição, julgou procedente, autarquia , Instituto Nacional do Seguro Social , INSS, CTPS, impetrante, ajuizamento da ação, serviço especial , ANP