Acusado de homicídio simples é condenado a seis anos de prisão pelo Tribunal do Júri de Peixe - Notícias - Diligência - Credibilidade em informação jurídica

Notícias

Acusado de homicídio simples é condenado a seis anos de prisão pelo Tribunal do Júri de Peixe

Jurídicas 20/02/2020
Acusado de homicídio simples é condenado a seis anos de prisão pelo Tribunal do Júri de Peixe
Terminou, no final da tarde desta terça-feira (18/2), o julgamento de Leandro Oliveira da Silva, acusado de matar Maxsuel Aparecido Fontoura Lourenço na madrugada do dia 19 de junho de 2016, em Peixe. Por maioria, o Tribunal do Júri da Comarca peixense, presidido pela juíza Ana Paula Araújo Aires Toribio, o condenou a seis anos de prisão por homicídio simples.
De acordo com a denúncia, réu e vítima, acompanhados por seus respectivos grupo de amigos, desentenderam-se na Beira-Rio, local bastante movimentado na cidade, após o primeiro bater o seu carro em uma caixa térmica que pertencia ao segundo. Na sequência, houve discussão entre ambos, envolvendo também as pessoas que os acompanhavam, ocasião em que o denunciado foi ao carro e voltou com uma arma branca com a qual aplicou um golpe na altura do estômago da vítima, que não resistiu e acabou falecendo.
Ao dosar a pena com base nos artigos 59 e 68 do Código Penal, a juíza Ana Paula Araújo Aires Toribio a estabeleceu no mínimo legal, seis anos de prisão, a ser cumprida inicialmente no regime semiaberto, considerando as circunstâncias judiciais favoráveis ao réu. Ao lembrar que o sentenciado respondeu a todo processo solto, a magistrada lhe concedeu o direito de apelar em liberdade, desde que não esteja preso por outro motivo.
Confira íntegra da decisão aqui.
Texto: Marcelo Santos Cardoso / Foto: Divulgação
Comunicação TJTO

Fonte: Tribunal de Justiça do Estado do Tocantins

© Diligência.com.br
competente, confirma , sentença, indenizar, indenização, turma, mandado de segurança, recorreu da sentença, Conselho Regional, Colegiado, desocupação , Defensoria Pública da União, DPU, Ministério Público Federal , MPF, Advocacia-Geral da União , AGU, Caixa Econômica Federal , CEF, Departamento Nacional de Infraestrutura , DNIT, Departamento de Estradas e Rodagem , DER, DNER, PFE, Data do julgamento, Publicação no diário oficial , Servidores públicos , aquisição de estabilidade, condenação, condena, condenado, recorrente , recorrido, constituição federal, aposentadoria por invalidez, AIDS, portador, cardiopatia, imposto de renda, IR, Fazenda Nacional , apelante, princípios da razoabilidade e da proporcionalidade, união , agravo de instrumento, adicional de férias, polo passivo, interesse processual , processamento e julgamento, pensões e aposentadorias, pensão, aposentadoria, competência, demandante, descumprimento da obrigação, sentença penal , unânime, provimento, aposentadoria especial, tempo de serviço, tempo de contribuição, julgou procedente, autarquia , Instituto Nacional do Seguro Social , INSS, CTPS, impetrante, ajuizamento da ação, serviço especial , ANP