Corregedoria-Geral cria Encontro Permanente de Juízes Corregedores e lança Prêmio Gestão Judiciária - Notícias - Diligência - Credibilidade em informação jurídica

Notícias

Corregedoria-Geral cria Encontro Permanente de Juízes Corregedores e lança Prêmio Gestão Judiciária

Jurídicas 01/07/2021
Corregedoria-Geral cria Encontro Permanente de Juízes Corregedores e lança Prêmio Gestão Judiciária
Buscando a priorização do 1º Grau de Jurisdição, porta de entrada do cidadão aos serviços do Judiciário, a Corregedoria-Geral da Justiça do Tocantins (CGJUS-TO), por meio do Provimento Nº 9, instituiu como política institucional o Encontro de Juízes(as) Corregedores(as) Permanentes e a Corregedoria-Geral da Justiça do Estado do Tocantins, denominado Encope. Com data prevista para os dias 2 e 3 de setembro deste ano, a primeira edição do Encontro ocorrerá de forma virtual, sob o comando da Corregedora-Geral, desembargadora Etelvina Maria Sampaio Felipe.
“Nosso objetivo é desenvolver uma gestão humana e compartilhada e isso significa estar mais próximos do 1ºGrau, juízes e servidores, que garantem o atendimento ao cidadão, uma vez que mais de 95% dos processos judiciais tramitam hoje nas comarcas. Entretanto, buscamos orientar, caminhar lado a lado, focar na gestão compartilhada, visando evitar o erro e superar os desafios. Assim, juntos, o Judiciário pretende garantir o cumprimento de sua missão de uma Justiça, célere, segura e efetiva”, afirmou a corregedora ao ressaltar a relevância do Encope.
Objetivos Encope
O Encontro permanente busca permitir a integração entre os(as) juízes(as) corregedores(as) permanentes e a Corregedoria-Geral da Justiça; promover o debate crítico sobre temas relevantes para a consolidação e aperfeiçoamento das atividades correcionais; discutir temas relacionados às transformações estruturais e culturais que permitam a modernização e a efetividade da atuação do primeiro grau de jurisdição; a definição conjunta de diretrizes, uniformização de métodos e critérios administrativos relativos às atividades correcionais; o incentivo e o intercâmbio de boas práticas inovadoras adotadas pelas Diretorias de Foro, objetivando a agilidade e o fortalecimento da relação Poder Judiciário e Sociedade; a capacitação das atividades correcionais; a proposição de soluções à Corregedoria-Geral da Justiça e à Corregedoria Nacional da Justiça, atinentes à competência correcional; e a difusão e a execução do Planejamento Estratégico da Corregedoria-Geral da Justiça perante o primeiro grau de jurisdição.
Prêmio Gestão Judiciária – Inscrições abertas
Buscando valorizar as boas práticas desenvolvidas na gestão administrativa e judicial das comarcas do Tocantins, a Corregedoria-Geral, por meio do Provimento 9, também instituiu o Prêmio Gestão Judiciária. A iniciativa servirá como um instrumento para identificar e disseminar práticas bem sucedidas consolidadas nas comarcas, que estejam contribuindo para a modernização, rapidez e eficiência do Judiciário. As inscrições já estão abertas e seguem até o dia 30 de agosto de 2021, sendo realizadas exclusivamente via processo SEI (Sistema Eletrônico de Informações). Podem participar magistrados e/ou servidores com iniciativas inovadoras e eficazes.
O Edital que regulamenta o Prêmio Gestão Judiciária foi publicado no Diário da Justiça no último dia 24 de junho (Acesse Aqui) e traz, entre outros pontos, as temáticas que poderão ser abordadas: Atividade correcional; Pai Presente; Sustentabilidade; Gestão de pessoas e liderança. E será concedido nas seguintes categorias: Primeira Entrância;  Segunda Entrância; e Terceira Entrância, abrangendo de forma distinta todas as 40 comarcas do Tocantins. 
Acesse aqui e veja na íntegra:
Provimento 9
Edital Prêmio Gestão Judiciária
Texto: Kézia Reis – ASCOM CGJUS-TO
Comunicação TJTO

 
 

Fonte: Tribunal de Justiça do Estado do Tocantins

© Diligência.com.br
competente, confirma , sentença, indenizar, indenização, turma, mandado de segurança, recorreu da sentença, Conselho Regional, Colegiado, desocupação , Defensoria Pública da União, DPU, Ministério Público Federal , MPF, Advocacia-Geral da União , AGU, Caixa Econômica Federal , CEF, Departamento Nacional de Infraestrutura , DNIT, Departamento de Estradas e Rodagem , DER, DNER, PFE, Data do julgamento, Publicação no diário oficial , Servidores públicos , aquisição de estabilidade, condenação, condena, condenado, recorrente , recorrido, constituição federal, aposentadoria por invalidez, AIDS, portador, cardiopatia, imposto de renda, IR, Fazenda Nacional , apelante, princípios da razoabilidade e da proporcionalidade, união , agravo de instrumento, adicional de férias, polo passivo, interesse processual , processamento e julgamento, pensões e aposentadorias, pensão, aposentadoria, competência, demandante, descumprimento da obrigação, sentença penal , unânime, provimento, aposentadoria especial, tempo de serviço, tempo de contribuição, julgou procedente, autarquia , Instituto Nacional do Seguro Social , INSS, CTPS, impetrante, ajuizamento da ação, serviço especial , ANP